Conheça Estratégias para Treinar seu Cérebro

Estratégias para Treinar seu Cérebro

Enfocar os obstáculos, em vez do sucesso, é uma questão de perspectiva. Quando você se encontra diante de uma impossibilidade, lembre-se de mudar as perspectivas para o objetivo a longo prazo. Dr. Srinivasan Pillay, pesquisador de neurociência em Harvard, afirma que não existe obstáculo sem objetivo. Quando se sentir empacado, ele recomenda que considere o fato como um aviso de que você quer estar em outra parte e que sua meta está em outro lugar.

Quando estiver nesta situação, não deixe que o objetivo imenso e imponente aumente seu medo do sucesso. Dê um passo atrás ou olhe para o mapa que confeccionou, de modo a mudar sua perspectiva.

Após olhar seu mapa, você poderá traçar seu percurso de curto prazo.

Lembre-se que você pode treinar seu cérebro a ser flexível. Uma parte do cérebro chamada cortéx orbito frontal é essencial para o que chamamos de flexibilidade cognitiva. É possível treinar esta parte do cérebro para ser mais flexível, mediante exercícios cerebrais. Lembre-se de que seu cérebro é como um músculo pensante.

Se você não o exercitar regularmente, ele se tornará fraco e enrijecido. Transpor obstáculos exige que o cérebro seja flexível, para que ele possa apresentar soluções inovadoras para seus problemas. O cérebro precisa ser exercitado regularmente a fim de se manter flexível, e um dos modos mais eficientes de melhorar sua flexibilidade é usando a imaginação.

A imaginação pode tornar possível o que parece impossível, pois permite que seu cérebro delineie um plano para alcançar suas metas, sob o artifício de que você está apenas imaginando as coisas. Seu cérebro poderá, assim, cooperar com seu meio ambiente de modo a conseguir o que você deseja.

Eis aqui alguns exemplos que poderão ajuda-lo a exercitar o cérebro:

1. Imagine quanto dinheiro você gostaria de estar ganhando.

Pergunte então a si mesmo quanto precisaria ganhar para viver apenas dos juros, caso investisse o montante de modo conservador. Se você disse, primeiramente, que queria ganhar um milhão de dólares por ano, isso significa que você ganharia cerca de 83 mil dólares por mês.

Se esta quantia representasse os juros de sua aplicação (a uma taxa de quatro por cento), você teria de possuir 25 milhões de dólares. Assim, os juros lhe renderiam um milhão de dólares por ano.

Mergulhe nesse tipo de cálculos até que seu cérebro comece a trabalhar com dinheiro de forma confortável. Comece com valores baixos, se quiser mais dinheiro, pois isto poderá ajudá-lo a se sentir menos temeroso

2. Jogue o jogo do “E se?”.

Escreva um objetivo. Então pergunte a si mesmo o que aconteceria se você realmente alcançasse esse objetivo. Como sua vida mudaria? No início, escreva um parágrafo sobre como sua vida seria diferente. Escreva então o mesmo parágrafo, mas com cada frase em uma linha diferente.

Depois, desenhe a aparência que as coisas teriam, o melhor que puder. Em seguida, cante o parágrafo para você mesmo, com a melodia que quiser.

(Através deste exercício aparentemente bobo, você está forçando suas emoções e sua ínsula a se envolverem no projeto; e também estará retirando da equação a inércia que geralmente acompanha as coisas que faz habitualmente.)

Faça isso pelo menos duas vezes por semana, durante seis meses. Você ficará surpreso ao descobrir como estará enxergando seu sucesso.

3. Escreva um objetivo a longo prazo.

Então, escreva o primeiro passo para atingi-lo. A seguir, escreva dez coisas que precisarão ser feitas antes do primeiro passo. Depois, faça essas dez coisas até se deparar com um obstáculo.

Quando isto acontecer, escreva dez coisas que precisarão ser feitas para a remoção deste obstáculo. Desta forma, você estará constantemente mudando de perspectiva e treinando o seu cérebro para trabalhar ao seu favor.

Caroline Calaça, Executive & Business Coach

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Preencha esse campo
Preencha esse campo
Digite um endereço de e-mail válido.
Você precisa concordar com os termos para prosseguir

Menu